Cuidados com a pele no inverno: Como cuidar? O que deve ser feito?

banner-bumbum-cream

Cuidados com a pele no inverno é muito importante, as baixas temperaturas podem causar agressões em nosso corpo.

Por essa razão, é crucial dar atenção aos cuidados com a pele no frio.

Nos meses com o clima ameno, é natural que a umidade do ar baixa e as temperaturas mais baixas levam à diminuição na transpiração do corpo.

Outro fator que acaba prejudicando a pele são os banhos mais quentes comuns nessa época o que acabam provocando a remoção da oleosidade natural de forma mais abrupta e intensa, diminuindo os lipídios que retém a umidade da pele.

Além disso, a temperatura muito alta pode causar queimaduras e retirar a sua proteção natural. Por essa razão, é muito importante ter cuidados com a pele no inverno.

A pele no geral, tanto do corpo quanto do rosto, está sujeita ao ressecamento no inverno.

Os fatores do clima frio e seco torna a pele com aspecto esbranquiçado o que pode indicar a desnaturação das proteínas.

O blog Bumbum Cream criou um artigo especialmente para você com dicas importantes como cuidar da sua pele no inverno.


O que deve ser feito? Rotina e cuidados

Se você ama ou odeia frio, independente de sua preferência sobre as estações do ano, o fato é que todo mundo precisa adotar cuidados com a pele no inverno.

A diminuição da temperatura acarreta na redução da umidade do ar, o que torna o tecido cutâneo suscetível ao ressecamento.

Outro fator negativo da pele ressecada é que ela fica mais propensa a lesões por estar mais sensível.

Para evitar os sintomas do clima frio na pele, conheça as principais razões e dicas para evitar que esses problemas possam acontecer.

Como a pele se comporta no inverno?

Em decorrência da baixa umidade do ar e das temperaturas mais frias, o mecanismo natural da pele – perda de água por transpiração – é impactado, deixando a base cutânea desprotegida.

Outro ponto importante é que no inverno costumamos beber menos água, pois não temos tanta sede. Logo, a pele é a primeira a sentir essa falta de hidratação.

Outro fator que prejudica a pele no frio é o fato de tomarmos banho na água quente, o que remove a oleosidade natural da pele que não consegue mais reter a umidade.

Veja a seguir os principais sintomas da pele ressecada no inverno:

  • Aspecto opaco e desvitalizado;
  • Descamação da pele;
  • Sensação da pele mais áspera;
  • Coceiras e alergias;
  • Aparência esbranquiçada.

Leia Mais: Cuidados com a pele: Guia completo com Cronograma (2021)

Por que tratar a pele no frio?

Como já foi dito, o inverno deixa a pele mais sensível e mais seca. Se a pele está ressecada, logo estará mais propensa a problemas cutâneos.

Por essa razão, investir em cuidados com a pele nos climas amenos vai evitar que você tenha maiores problemas.

Se não tiver uma rotina de cuidados, a pele vai ser mais opaca e áspera ou ainda sem vitalidade. Sendo assim, é crucial reverter essa situação caso aconteça com algumas dicas simples de cuidados com a pele no inverno.

Como cuidar da pele no inverno?

Chegamos na parte em que conseguimos entender a importância dos cuidados com a pele, especialmente, no inverno.

Nesta época do ano é fundamental utilizar produtos que ajudam a hidratar a pele de uma forma mais intensa.

banner-bumbum-cream

Produtos que reforcem a barreira da proteção contra o ressecamento são bem-vindos.

Outros cuidados são igualmente importantes no cuidado com a pele nos dias mais frios. Veja as principais dicas para evitar os problemas:

Proteger a pele do rosto com hidratante

Sem dúvidas, a pele do rosto é uma das regiões mais afetadas com o frio por estar mais exposta aos ventos.

Por essa razão, ela precisa de mais atenção nos cuidados. Escolha um hidratante para o seu tipo de pele para prevenir a perda de água e recuperar a barreira de proteção da pele.

Proteger os lábios contra o frio

A pele que recobre os lábios também são as mais propensas a ressecarem devido à espessura muito fina e delicada e estar exposta ao frio.

Hidratantes labiais são recomendados nesse caso para proteger do clima ameno e da baixa umidade do ar.

Aplicar protetor solar diariamente

Mesmo no inverno, os raios UVA, que acelera o envelhecimento e aumenta o risco de câncer de pele, têm a mesma intensidade quanto nos dias quentes.

Por isso, o protetor solar (adequado para o tipo de pele e com fator de proteção superior a 30) deve ser aplicado todos os dias, ainda que o céu esteja nublado, já que os raios atravessam as nuvens.

Evitar banhos quentes e demorados

Dê preferência para a água morna ao invés do banho muito quente. Isso porque, a temperatura muito quente da água, além de ter riscos de causar queimaduras na pele, remove a camada protetora dela.

Outro fator que deve ser levado em conta é utilizar sabonete neutro e evitar o uso de esponjas ásperas que podem agravar a remoção da camada de lipídios natural da epiderme.

Hidratar-se bem

Mesmo sem sede, o ideal é tomar, todos os dias, pelo menos, 2 litros de água.

Isso é essencial para permitir que o organismo funcione bem e preserva a hidratação da pele, evitando o ressecamento e descamação.

Caso não sinta tanta sede, busque complementar a ingestão de líquidos tomando chás naturais, de preferência sem açúcar.

Como manter a hidratação da pele no inverno?

É muito comum a gente esquecer de manter uma rotina de cuidados com o corpo, especialmente, quando o assunto é hidratação.

Mas, saiba que estabelecer uma rotina de hidratação da pele, principalmente, no inverno é essencial para protegê-la dos agentes externos que podem prejudicá-la.

Para isso, o indicado é escolher dermocosméticos apropriados para o seu tipo de pele e manter-se hidratado com pelo menos 2 litros de água todos os dias.

Quando a pele está mais seca, o ideal é investir em produtos com a textura mais densa como hidratantes e óleos corporais.

Para a pele oleosa, cosméticos com textura de sérum são mais apropriados por serem mais leves e fluidos.

Leia Mais: Manchas na Pele: Tudo o que você precisa saber

Além de todos os cuidados indicados acima, você pode incluir à sua rotina o uso de cosméticos que combatem estrias, como o BumbumCream. Esse tipo de produto ajuda a potencializar os resultados que com certeza virão se você combinar uma boa alimentação, treino e cuidados estéticos.

O BumbumCream é um creme para estrias com o conceito do BB Cream, produto popular na maquiagem feminina. Ele promove um tratamento de celulite, estrias, a terrível espinha no bumbum (foliculite) e outros problemas de pele desde a primeira aplicação.

Dentre os resultados mais prestigiados estão: sentir sua pele mais firme, com brilho, hidratada e desaparecimento das imperfeições, como aquele efeito “casca de laranja” da celulite.

Demais, né? Conheça mais no site oficial!!


    banner-bumbum-cream